Manchas nos dentes: o que pode ser, diferentes tipos, causas e como tirar

07 setembro · 5 minutos

Um sorriso bonito pode ter um grande impacto, mas e se o brilho natural dos nossos dentes começar a desaparecer? A pigmentação nos dentes é um problema comum e que muitas vezes causa preocupação e abala a nossa autoestima e confiança. Neste artigo, vamos aprofundar o tema das manchas dentárias e tentar perceber que tipos de manchas nos dentes existem, as suas causas e como tirar.

Se adoras café, aprecias um bom vinho tinto ou simplesmente tens curiosidade sobre como manter um sorriso radiante, continua a ler para conheceres os fatores que mais contribuem para o aparecimento de manchinhas dos dentes e saberes como tirar essa pigmentação.

O que é a pigmentação nos dentes?

A pigmentação nos dentes, a que normalmente chamamos “manchas nos dentes”, é uma alteração da cor do dente que leva a um sorriso mais amarelado e menos luminoso. Os dentes também podem apresentar manchas amarelas ou brancas. Este fenómeno pode ser atribuído a fatores como o consumo de tabaco, lesões nos dentes, higiene oral inadequada, assim como ao consumo de alimentos, bebidas e medicamentos específicos que fazem com que os dentes fiquem com manchas.

Sorriso de uma pessoa com dentes com manchas à esquerda e sem manchas à direita.

Causas das manchas nos dentes

Tens manchas nos dentes e não sabes o que pode ser? Existem várias causas para as manchas nos dentes, sendo que algumas podem ser controladas e outras não.

Causas para as manchas nos dentes que podemos evitar

  • Alimentos e bebidas com cores escuras: O apelo do café, do chá, dos frutos vermelhos, do vinho tinto e do molho de soja é inegável! Mas há que considerar a sua propensão para manchar os dentes ao longo do tempo.
  • Fumadores: Vários estudos têm comprovado que, normalmente, as manchas nos dentes são mais prevalentes em quem fuma.
  • Higiene oral menos cuidada: A batalha contra as manchas nos dentes depende muito da tua higiene oral. Se não escovares os dentes corretamente e não utilizares fio dental, vais permitir que pequenas manchinhas nos dentes se transformem em placa bacteriana e levem, eventualmente, à pigmentação dos dentes.
  • Exposição excessiva ao flúor: Embora o flúor ofereça proteção contra cáries, a exposição excessiva durante a infância pode provocar fluorose, que se caracteriza pelo aparecimento de manchas brancas nos dentes.

Causas para as manchas nos dentes que não podemos evitar

  • Diversidade genética: A natureza cria cada sorriso de forma única. O tom, o brilho e a translucidez dos dentes varia de pessoa para pessoa devido a fatores genéticos.
  • Lesões dentárias: Acidentes, como quedas, acidentes de viação ou lesões desportivas, podem provocar lesões que levam ao aparecimento de manchas nos dentes.
  • Idade: O processo de envelhecimento provoca uma transformação natural. O esmalte dos dentes fica mais fino e pode revelar uma dentina mais amarelada por baixo, dando uma aparência ligeiramente mais escura aos dentes.
  • Procedimentos dentários: Alguns materiais dentários, como a amálgama de prata utilizada nas obturações, podem dar um aspeto mais acinzentado aos dentes. Além disso, a pigmentação na superfície do dente junto às obturações da cor do esmalte pode manchar após uma desvitalização.
  • Problemas de saúde: Algumas doenças, como problemas no fígado ou distúrbios alimentares, podem ser causas de manchas nos dentes e reflexo de uma saúde mais fragilizada.
  • Medicação: Alguns medicamentos, sobretudo anti-histamínicos específicos e medicamentos para a hipertensão, provocam manchas nos dentes. A exposição a antibióticos na infância, como a tetraciclina ou a doxiciclina, também pode provocar uma pigmentação nos dentes.
  • Tratamentos oncológicos: A batalha árdua contra o cancro, incluindo com quimioterapia e radioterapia na cabeça/pescoço, pode provocar manchas nos dentes como um efeito secundário da diminuição da produção de saliva.

Quando procuramos preservar e restaurar o brilho do nosso sorriso, compreender o que pode ser é o primeiro passo para tomarmos decisões informadas sobre como remover manchas nos dentes e sobre a nossa saúde oral no geral.

Porque é que as manchas nos dentes aparecem tão facilmente?

Para algumas pessoas, as manchas nos dentes aparecem mais facilmente devido à porosidade do esmalte, que se for maior pode absorver pigmentos de alimentos, bebidas e tabaco. Além disso, a acidez, o consumo de tabaco, uma higiene oral inadequada e a genética podem fazer com que os dentes fiquem mais sujeitos a manchas.

Tipo de manchas nos dentes

Quando pensamos no nosso sorriso, muitas vezes imaginamos dentes brilhantes e imaculados. No entanto, a realidade é que os dentes podem ser vítimas de vários tipos de manchas.

Compreender os diferentes tipos de manchas nos dentes é fundamental para manter um sorriso radiante. Há dois tipos principais de manchas nos dentes: extrínsecas e intrínsecas. Estas manchas têm origens distintas e colocam desafios únicos na prevenção e no tratamento. Vamos abordar as manchas extrínsecas e intrínsecas nos dentes para compreendermos a ciência por trás da sua formação e descobrirmos estratégias eficazes para combater os seus efeitos.

Manchas extrínsecas nos dentes

As manchas extrínsecas nos dentes dizem respeito à camada exterior dos dentes (esmalte). Ocorrem quando os dentes são expostos a elementos específicos, como certos alimentos e bebidas, levando ao aparecimento de manchas extrínsecas.

Manchas intrínsecas nos dentes

As manchas intrínsecas dos dentes têm origem na parte interior do dente e afetam a dentina por baixo do esmalte. Este tipo de manchas nos dentes é desencadeado por fatores como lesões dentárias e medicamentos específicos.

O que significam as cores das manchas nos dentes?

Por vezes, a cor das manchas dos dentes pode ajudar a identificar as causas. Continua a ler para conheceres as causas e implicações mais frequentes dos vários tipos de manchas nos dentes de acordo com a cor.

Manchas amarelas nos dentes

Normalmente, as manchas amarelas nos dentes são provocadas pelo consumo de alimentos e bebidas de cor escura, como café, chá, caril e molho de soja. Esta cor também pode indicar a necessidade de uma melhor higiene oral.

Manchas castanhas nos dentes

As manchas castanhas nos dentes resultam do consumo de tabaco (fumar e mastigar). A presença de manchas castanhas nos dentes juntamente com pequenos pontos muitas vezes indica cáries não tratadas.

Manchas arroxeadas nos dentes

As manchas arroxeadas nos dentes tendem a aparecer em pessoas que consomem quantidades substanciais de vinho tinto, de alguns tipos de frutos vermelhos e de outras frutas, como romãs. Além disso, esta cor pode aparecer quando ocorre um ligeiro sangramento interno provocado por uma lesão.

Manchas cinzentas nos dentes

As manchas cinzentas nos dentes podem indicar problemas nos nervos no interior do dente, muitas vezes resultantes de lesões dentárias. Este tipo de pigmentação nos dentes pode ser preocupante. É essencial consultar um dentista para uma avaliação completa e um plano de tratamento personalizado para resolver os problemas subjacentes e restaurar a saúde e aparência dos dentes.

Manchas brancas nos dentes

A presença de manchas brancas nos dentes pode apontar para um problema de fluorose dentária, que surge do excesso de flúor durante a infância (enquanto os dentes se formavam). Embora estas manchas brancas nos dentes possam ser visualmente preocupantes, é importante notar que, geralmente, não apresentam um risco significativo para a saúde.

Manchas pretas nos dentes

Normalmente, as manchas pretas nos dentes são sinónimo de cáries avançadas na respetiva zona. Este tipo de pigmentação dos dentes é um indicador visível da deterioração avançada do dente, que pode comprometer a integridade da estrutura do dente e provocar problemas mais graves na ausência de tratamento.

Como evitar manchas nos dentes

Embora seja difícil evitar manchas profundas nos dentes resultantes de lesões, medicamentos ou problemas de saúde, podemos tomar medidas para minimizar a probabilidade do seu aparecimento:

  • Escova os dentes cuidadosamente duas a três vezes ao dia com pasta de dentes com flúor e uma escova macia.
  • Usa fio dental uma vez por dia para uma limpeza entre os dentes.
  • Controla o consumo de substâncias que podem fazer com que os dentes fiquem com manchas, como café, chá, cola e vinho tinto.
  • Mantém uma boa hidratação e enxagua a boca depois de consumires bebidas que podem ser uma das causas de manchas nos dentes.
  • Deixa de fumar para reduzires o risco de manchas nos dentes.
  • Faz check-ups dentários e destartarizações regulares no teu dentista.

Como tirar manchas ou pigmentação dos dentes

O que devemos fazer para remover manchas dos dentes? Devolver o brilho natural aos dentes com manchas exige uma combinação de medidas preventivas e intervenções profissionais. É fundamental consultar um dentista para determinar a abordagem mais adequada para tirar as manchas dos dentes com base nas necessidades individuais e nas causas subjacentes.

Como remover manchas intrínsecas nos dentes

Em casos de manchas intrínsecas nos dentes, os métodos habituais podem não funcionar para as remover. A única possibilidade é recorrer a procedimentos que cubram a mancha. Os procedimentos dentários cosméticos, como as facetas ou coroas, podem ser uma solução para um sorriso mais luminoso e confiante. Normalmente, recorre-se a este tipo de processos para dentes que sofreram alguma lesão ou para casos especiais nos quais os tratamentos alternativos não conseguiriam tirar as manchas dos dentes.

Como tirar manchas extrínsecas nos dentes

A maioria das manchas nos dentes são superficiais e podem ser removidas com métodos muito mais simples e menos dispendiosos. Deixamos-te algumas dicar para remover manchas nos dentes:

Melhorar a higiene oral

Por vezes, basta melhorar a técnica ou aumentar a frequência da higiene oral. Uma higiene oral correta e regular, incluindo a escovagem com pasta de dentes com flúor e a utilização de fio dental, ajuda a prevenir a pigmentação nos dentes.

Limitar o consumo de substâncias que manchem os dentes

No geral, implica limitar o consumo de alimentos que provocam manchas, como bebidas com cores fortes, e reduzir ou eliminar substâncias, como o tabaco. Essa limitação, juntamente com uma melhor higiene oral, pode ajudar a que algumas manchas superficiais nos dentes desapareçam gradualmente.

Branqueamento dos dentes com manchas

O branqueamento dentário é um tratamento definitivo para dentes com manchas, uma vez que permite devolver o seu aspeto natural. Existem várias técnicas de branqueamento, no entanto, nem todos os tipos de branqueamento são seguros ou fiáveis. O branqueamento dentário profissional é a forma mais indicada.

O branqueamento dentário profissional é eficaz em muitos casos de manchas nos dentes. Normalmente, as manchas superficiais nos dentes causadas por alimentos, bebidas e tabaco podem ser tratadas através de procedimentos profissionais de branqueamento. Estes tratamentos utilizam agentes branqueadores para remover as manchas e restaurar a cor natural dos dentes.

Médico mostra um tablet a um doente numa clínica Impress.

Branqueia o teu sorriso com a Impress

Na Impress, oferecemos um serviço completo de branqueamento dentário profissional para manchas nos dentes. Oferecemos tratamentos profissionais e seguros com a tecnologia mais recente. Com o branqueamento profissional da Impress, é possível eliminar manchas dos dentes de forma eficaz e reduzir até 5 tons na cor dos teus dentes. Tudo isto numa só sessão, com resultados rápidos e duradouros.

Queres saber como a Impress pode melhorar o teu sorriso? Visita-nos na clínica Impress mais próxima para conheceres a equipa de profissionais que vai acompanhar o teu tratamento.

Também podes marcar uma consulta online ou entrar em contacto connosco por WhatsApp ou telefone.

Partilhar artigo

Empresa

Quem somos?

Imprensa

Carreiras

O nosso blog

*Por número de clínicas próprias

© 2024 SMILE2IMPRESS SL. Todos os direitos reservados